FLACSI

Idioma:
Síguenos Facebook YouTube

Desenvolvimento Sustentável: “Em primeiro lugar a Educação”

Publicado el Jueves 28 de Enero, 2016

header17 ojectivos para transformar o nosso mundo

Recentemente, no âmbito da Organização das Nações Unidas, os países adoptaram um novo programa de desenvolvimento sustentável, adoptando a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, um plano de acção para as pessoas, planeta e prosperidade, que também ele tem a intenção de fortalecer a paz universal e acesso à justiça.

A Agenda propõe 17 objetivos com 169 metas integrados e  indivisível, que abrangem domínios económico, social e ambiental. O ano 2016 apresenta uma oportunidade sem precedentes para os países e cidadãos do mundo a empreender uma nova maneira de melhorar a vida das pessoas em todos os lugares.

O objetivo No. 4 : Assegurar uma educação equitativa e inclusiva de qualidade e promovendo oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos

Este objectivo do reconhecimento dos “Atingir educação de qualidade como base para melhorar a vida das pessoas e desenvolvimento sustentável”. A este respeito, afirma-se que “tem havido um progresso significativo no que diz respeito à melhoria do acesso à educação em todos os níveis e aumentar as taxas de matrícula nas escolas, especialmente no caso das mulheres e das meninas”.

No entanto, adverte-se que “aumentou consideravelmente o nível mínimo de alfabetização, se é necessário redobrar os esforços para alcançar novos progressos na consecução dos objetivos da educação universal”. Por exemplo, ele alcançou a igualdade entre meninos e meninas no ensino primário no mundo, mas alguns países já atingiram essa meta em todos os níveis educacionais.

Dados e crifras

  • Matrículas no ensino primário nos países em desenvolvimento atingiu 91%, mas 57 milhões de crianças estão fora da escola.
  • Mais de metade das crianças não matriculadas na escola vivem na África sub-saariana (também chamada África negra que se refere aos países africanos que não fazem fronteira com o Mar Mediterrâneo)
  • Estima-se que 50% das crianças em idade escolar, mas não frequentam a escola vivem em áreas afetadas por conflitos.
  • Em todo o mundo, 103 milhões de jovens têm um nível mínimo de alfabetização, mais de 60% são mulheres.

Goal-4Para o 2030, as metas do objetivo 4 são…

  • Assegure-se que todas as meninas e todas as crianças ciclos completos de ensino primário e secundário, que devem ser livres, justas e qualidade e produzem resultados de aprendizagem relevantes e eficazes.
  • Assegure-se que todas as meninas e todas as crianças têm acesso aos cuidados e desenvolvimento da primeira infância e da qualidade da educação pré-escolar, para que estejam prontos para o ensino primário
  • Assegurar a igualdade de acesso para todos os homens e mulheres à formação técnica, profissional e de qualidade superior, incluindo o ensino universitário.
  • Aumentar substancialmente o número de jovens e adultos que têm as habilidades necessárias, nomeadamente técnicas e profissionais, para o emprego, o trabalho digno e empreendedorismo.
  • Eliminar disparidades de gênero na educação e assegurar a igualdade de acesso das pessoas vulneráveis, incluindo as pessoas com deficiência, povos indígenas e crianças em situações vulneráveis, em todos os níveis da educação e da formação profissional.
  • Assegurar que todos os jovens e, pelo menos, uma proporção substancial de adultos, de ambos os sexos, têm competências em leitura, escrita e aritmética.
  • Assegurar que todos os alunos adquiram os conhecimentos e as habilidades necessárias para promover o desenvolvimento sustentável, nomeadamente através da educação para o desenvolvimento sustentável ea adopção de estilos de vida sustentáveis, direitos humanos, igualdade de gênero, promoção de uma cultura de paz e não-violência, cidadania mundial e da valorização da diversidade cultural e a contribuição da cultura para o desenvolvimento sustentável, entre outros meios.
  • Construir e adaptar instalações escolares que atendam às necessidades das crianças e as pessoas com deficiência e considerar questões de gênero, e oferecer ambientes de aprendizagem seguros, não violentos, inclusivas e eficazes para todos.

1

  • Em 2020, em todo o mundo aumentar substancialmente o número de bolsas de estudo disponíveis para os países em desenvolvimento, particularmente os países menos desenvolvidos, os pequenos Estados insulares em desenvolvimento e os países africanos para que seus alunos podem se inscrever em programas de pós-graduação, incluindo programas de formação e programas técnicos,, engenharia e tecnologia da informação científica e de comunicação, em países desenvolvidos e outros países em desenvolvimento.
  • Em 2030, aumentar substancialmente a oferta de professores qualificados, nomeadamente através da cooperação internacional para a formação de professores nos países em desenvolvimento, especialmente os países menos desenvolvidos e os pequenos Estados insulares em desenvolvimento.

Nós convidamos você a saber mais sobre os 17 objetivos para transformar nosso mundo, aqui